Governo eleva renda máxima do Casa Verde e Amarela

by ideale-jornal

O conselho aprovou na última quinta-feira, 07, a elevação das faixas de renda dos beneficiários do programa Casa Verde Amarela, o antigo Minha Casa Minha Vida. No grupo dois, o limite passou de R$ 4 mil para R$ 4,4 mil. Já no grupo três, foi de R$ 7 mil para R$ 8 mil.

Também foram atualizadas as subfaixas dentro do grupo dois, o que vai permitir que a população se enquadre em linhas de crédito com taxas menores. Na prática, isso representará queda de 0,75% a 1,16% nos juros para uma parte dos novos contratos, dependendo da renda.

A primeira faixa do grupo dois era R$ 2,4 mil a R$ 2,6 mil e tinha juros de 5,25% ao ano. Agora essa subfaixa irá até R$ 3 mil.

A segunda subfaixa do grupo 2 ia de R$ 3 mil a R$ 4 mil, com juros de 6% a 7% ao ano. Ela foi dividida em duas subfaixas, sendo uma de R$ 3 mil a R$ 3,7 mil, com juros de 6%, e outra de R$ 3,7 mil a R$ 4,4 mil, com juros de 7%.

No grupo 3, a taxa é de 8,16% ao ano e foi mantida. Portanto, uma família com renda de R$ 3 mil que antes tomava crédito a 6% agora irá se enquadrar numa linha de 5,25% (redução de 0,75 pp). Uma família com renda de R$ 4,4 mil antes pagava 8,16% e agora pagará 7% ao ano.

Mais notícias

Um novo conceito de informação, esse é o foco principal do Jornal Imobiliário e portal jornalimobiliario.com, jornalismo feito de forma diferente, segmentado e de relevância para o leitor.

Mídia Kit

Baixe nosso mídia kit e anuncie com a gente!

Entre em contato

@2022 – All Right Reserved. Dubai Propaganda.