Construção civil mantém geração de emprego e surpreende com resultado

by ideale-jornal

Mesmo com a pandemia do coronavírus, a construção mantém um nível satisfatório na geração de emprego e renda. Somente em fevereiro, o setor gerou 43.469 novos empregos, resultado da diferença de 164.598 admissões e 121.129 demissões, segundo dados do Caged, divulgados pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, do Ministério da Economia.

 

O total de novas vagas geradas pela Construção em fevereiro é o maior desde setembro/2020, quando o saldo líquido (admissões menos demissões) totalizou 45.866 novos empregos. No acumulado dos últimos 12 meses (março/2020-fevereiro/2021), a construção civil criou 133.887 novas vagas.

 

Para a economista do Banco de Dados da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Ieda Vasconcelos, "o resultado de fevereiro/2021 foi o melhor para o mês desde o início da série histórica, em 1992, ou seja, dos últimos 30 anos".
 

Mas é necessário avaliar o cenário como um todo principalmente em relação a alguns desafios como: o agravamento da pandemia, estágio de vacinação, inflação, instabilidade política, entre outros.

 

 

 

Fonte: portalradarimobiliario.com.br

Mais notícias

Um novo conceito de informação, esse é o foco principal do Jornal Imobiliário e portal jornalimobiliario.com, jornalismo feito de forma diferente, segmentado e de relevância para o leitor.

Mídia Kit

Baixe nosso mídia kit e anuncie com a gente!

Entre em contato

@2022 – All Right Reserved. Dubai Propaganda.